4 ESPÉCIES DE CERCA VIVAS PARA SEU JARDIM

Para separar ambientes e dar mais privacidade, existem algumas espécies de cercas vivas com crescimento rápido, manutenção simples e bom acabamento.

Amor-agarradinho
No estilo de uma trepadeira, essa espécie cria um biombo natural. Apesar de contar com gavinhas, que ajudam na escalada de grades, cercas e pórticos, ela pode assumir a função de cerca viva. O crescimento desta planta é moderado, com um visual ramificado. Um detalhe sobre essa planta é que as suas folhas são em formato de coração.

Primavera
Geralmente cultivada como trepadeira, em cercas e grades, a primavera pode ser podada em formato de arbusto, ajudando a direcionar o caminho e o acesso á casa. Quando plantada no sol, ela tem crescimento vigoroso e flores entre o outono e inverno. Por ter poucos espinhos, é possível utilizá-la sem podas, em forma de arbusto para a sua segurança.

Murta
A murta ajuda a manter a privacidade do ambiente, prolongando pela extensão do muro ou parede, formando uma divisão de ambientes viva, sem enclausurar, porém, protegendo parcialmente a área. Ela é perfeita para ambientes amplos, podendo atingir até 5 metros de altura.

Tumbérgia-arbustiva
Esta espécie, quando cultivada no sol ou a meia-sombra, ela pede poucos cuidados. Ela cresce até 2,50m de altura e, no inverno, exibe flores lilases que atraem beija-flores e borboletas. Para quem prefere uma cerca pouco agressiva, esta planta é a ideal, pois quando plantada em grupo há um bom fechamento, porém delicado.

Studioloop

Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: